PEDRO NUNO SANTOS

O escândalo político que rodeou Alexandra Reis. Uma história que deitou abaixo um ministro e uma secretária de Estado em 4 dias.

0
607
cartoon de Hélder Dias

Pedro Nuno Santos sai do Governo, mas fica como deputado na Assembleia da República. Tornou-se numa espécie de “enfant terrible” no grupo que rodeou António Costa, nestes anos de governação socialista. Logo veremos se António Costa ficou com alguma “pedra no sapato”.

Nunca se percebeu bem como foi que se aguentou quando anunciou, sem autorização, a solução para a construção do novo aeroporto de Lisboa. Caíu agora, na sequência deste caso com Alexandra Reis, pessoa de quem ele deve gostar bastante.

Na verdade, ninguém acredita que o ministro que tutela a TAP e que representa o acionista Estado na Assembleia Geral da TAP, não soubesse da indemnização de 500 mil euros recebida por Alexandra e, mesmo assim, tê-la convidado para novo cargo um mês depois. Noutro quadrante geográfico estariamos aqui a falar de corrupção.

A demissão de Pedro Nuno Santos aconteceu cerca de 24 horas após o ministro das Finanças, Fernando Medina, ter demitido Alexandra reis da Secretaria de Estado do Tesouro, onde ela apenas esteve durante um mês. Esta história resultou num escândalo que deitou abaixo um ministro e uma secretária de Estado, em 4 dias.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here