Covid-19: 78 mortes mas as primeiras vacinas já chegaram

0
610

O boletim epidemiológico da Direção Geral de Saúde regista hoje mais 78 mortes relacionadas com a covid-19 e 1.214 novos casos de infeção. Estão internadas 2.790 pessoas, mais 36 do que na sexta-feira, das quais 513 em cuidados intensivos, ou seja, mais nove. Desde o início da pandemia, Portugal já registou 6.556 mortes.

Entretanto, chegaram a Portugal as primeiras vacinas. Digamos que se tratou de uma remessa simbólica, apenas para garantir que todos os Estados membros da União Europeia começam a vacinação no mesmo dia, amanhã se tudo correr como previsto. Para já, são apenas de 9.750 doses que vão ser agora distribuídas pelos principais hospitais de Lisboa, Porto e Coimbra.

O primeiro-ministro celebrou no Twitter a chegada das primeiras vacinas a território português. Como ele disse, a existência da vacina é um “extraordinário esforço” da Ciência. A distribuição das vacinas será um trabalho de “coordenação exemplar” da União Europeia.

Este lote de 9.750 doses será reforçado com a antecipação da entrega de mais 70.200 doses, que têm chegada prevista para segunda-feira, elevando o total disponível para administração até ao final do ano para 79.950 vacinas, segundo o Ministério da Saúde.

Entre dezembro e o primeiro trimestre de 2021, que corresponde ao período da primeira fase definida pela ‘task-force’ responsável pelo plano de vacinação, Portugal espera receber 1,2 milhões de vacinas, distribuídas por três períodos: 312.975 doses no acumulado de dezembro e janeiro, 429 mil doses em fevereiro e 487.500 em março.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here