Berardo não quer pagar 5 milhões

0
1597

Afinal, Joe Berardo não pretende acatar a decisão do juiz de instrução criminal, que lhe mandou apresentar uma caução de 5 milhões para aguardar o julgamento em liberdade. Sabe-se agora que o advogado de Berardo apresentou um pedido de impugnação dessa medida, argumentando que não existe qualquer perigo de fuga, uma vez que o empresário não tem residência em nenhum outro país no Mundo e que apenas tem a nacionalidade portuguesa.

Quando a medida foi decretada pelo juiz Carlos Alexandre, o mesmíssimo advogado disse que nos 20 dias de prazo, iria ser feito “um esforço para cumprir”, ressalvando que tal só não aconteceria se houvesse alguma “impossibilidade”, facto que teria de ser comunicado “junto das fontes competentes”. Na altura, o advogado explicou até que a caução de cinco milhões de euros podia ser cumprida, por exemplo, através de entrega de um bem ou de um imóvel como garantia desse valor. Mas já então o advogado estaria apenas a ganhar tempo para preparar esta ação que, em primeira instância, se limita a arrastar o mais possível processo de prestação da caução.

A medida cautelar foi decretada a 2 de julho. O prazo terminaria a 22. No dia 20, foi noticiado que o empresário Berardo já teria apresentado “uma proposta de pagamento da caução de cinco milhões de euros”. Pelos vistos, a proposta é não pagar, de todo.

No Diário de Notícias
No Observador…

Uma notícia baseada num despacho da agência Lusa, replicado quase sempre na íntegra pelos outros media, mas que o tempo se encarregou de desmentir.

A impugnação da medida de coação decretada pelo juiz parece ser um expediente para evitar que Carlos Alexandre mande Joe Berardo para uma cela, apesar deste não ter cumprido a decisão judicial. Vamos ver quem ri por último.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here