LISBOA AFOGADA

0
728

É o caos na capital e nos concelhos a norte de Lisboa, com estradas cortadas e muitos prejuízos materiais, por causa do temporal dos últimos dias e que teima em ficar.

Loures, Odivelas, Oeiras, mas também Sintra e Torres Vedras são as regiões mais afetadas, embora em alguns bairros de Lisboa as marcas do mau tempo sejam também evidentes.

De acordo com a Proteção Civil, estão cortadas ao trânsito a Estrada Nacional (EN) 8 entre Odivelas e Loures e a EN 250 em Frielas devido ao galgamento do rio.

Estão igualmente cortadas a EN115 na Rotunda das Oliveiras e A-das-Lebres, Loures, os acessos à A8, em Loures, EN115-2 Maxial-Ermegeira devido a um deslizamento de terras, a EN9 Ponte Rol, Torres Vedras, e a Calçada de Carriche, Odivelas, por causa de uma derrocada de terras.

Em Lisboa estão intransitáveis os túneis do Campo Pequeno, Campo Grande, Avenida João XXI e Avenida de Berlim, o Eixo Norte-Sul, a Radial de Benfica, a Segunda Circular no sentido Lisboa Norte, a Avenida Infante D. Henrique junto ao Túnel Batista Russo, a Avenida de Berna, todos os acessos à Praça de Espanha e Avenida Calouste Gulbenkian.

Estão também intransitáveis, a Avenida de Ceuta, Alfredo Bensaúde, Estrada do Penedo, Alcântara (vários locais), Cruzamento Gago Coutinho com EUA, Praça de Sete Rios, Avenida de santo Contestável, Avenida 24 de Julho até Belém e Avenida de Ceuta junto ao acesso à ponte 25 de abril.

Em Sintra, estão cortados o acesso ao IC19 para Rio de Mouro, a N6 (Auto da Boa Viagem), acesso IC16 para a CRIL, e em Odivelas o acesso ao IC19 para a Buraca.

O IP7 está igualmente cortado no sentido Norte-Sul para a Ponte 25 de Abril.

Ou seja, sem transportes públicos para muitos hoje não é dia de ir trabalhar por impossibilidade de chegar ao destino e, para outros, é dia de deitar contas à vida.

Algés 13 de dezembro 2022

Por exemplo, a baixa de Algés, em Oeiras, está hoje de manhã de novo debaixo de água devido às fortes chuvas registadas durante a noite, com lojas e habitações inundadas. Uma viatura ficou soterrada e os dois ocupantes tiveram de ser hospitalizados na sequência de um aluimento de terras no Itinerário Complementar 17-CRIL, onde apenas se circula no sentido Algés-Sacavém.

A autarquia de Lisboa aconselhou as famílias a não levar os filhos à escola e pondera, mesmo, encerrar os estabelecimentos de ensino hoje, até porque há um novo alerta do IPMA de chuva para as 13 horas.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here