GÁS DA RÚSSIA VAI PARA A CHINA

0
465

Dois dos principais campos de gás da Rússia, Chanayda e Kovikta, ambos na Sibéria, já estão a bombar diretamente para a China através de um pipeline baptizado “O Poder da Sibéria”.

A estatal russa Gazprom começou a fornecer gás do campo de Chanayda para a China no final de 2019. O gás do campo de Kovykta começou agora a alimentar o mesmo gasoduto.

Segundo informações veiculadas pela agência Reuters, o gasoduto em questão atingirá velocidade de cruzeiro em 2027, com 38 mil milhões de metros cúbicos por ano de débito. Isto, se não acontecer nenhum “acidente” como o que inutilizou os gasodutos Nord Stream 1 e Nord Stream 2 que forneciam a Alemanha com gás russo.

A Rússia conseguiu finalizar uma infraestrutura colossal, com mais de 3 mil quilómetros de extensão, num período de extremas incertezas por conta das imposições de sanções provindas dos EUA e da União Europeia.

gasoduto O Poder da Sibéria

A China é o maior consumidor de energia do mundo e, a partir de agora, poderá converter para gás as indústrias que consomem carvão.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here