IGREJA CLEMENTE COM PADRES PEDÓFILOS

0
493

O cardeal-patriarca de Lisboa admite que a Igreja perdoe agressões pedófilas cometidas por padres.

O cardeal-patriarca falava aos jornalistas no final da homilia que dirigiu na Sé de Lisboa, na sexta-feira de Páscoa.

Manuel Clemente disse que a apreciação será feita caso a caso e que “é preciso encontrar reconciliação, caso a caso, pessoa a pessoa, situação a situação”.

“Ninguém nasce na igreja e as pessoas transportam também para os espaços eclesiais aquilo que muitas vezes começou lá fora”, disse o chefe da Igreja Católica portuguesa.

A comissão independente que está a investigar abusos sexuais cometidos na Igreja Católica anunciou esta semana, em conferência de imprensa, que já foi possível identificar situações de ocultação ou encobrimento de padres pedófilos, incluindo por parte de bispos que continuam no ativo.

Questionado sobre o possível afastamento preventivo destes membros da Igreja, o cardeal-patriarca respondeu que o afastamento preventivo desses clérigos tem que ser analisado “caso a caso”.

Saber perdoar é um exercício filosófico dos católicos que, segundo Manuel Clemente, só precisam que o pecador se arrependa. “Se é preciso arrepender, então arrependamo-nos e vamos para a frente”, disse o cardeal-patriarca de Lisboa.

De qualquer forma, o compromisso assumido publicamente pela comissão que investiga a pedofilia na Igreja Católica é de remeter para a justiça todos os casos não prescritos. Ver para crer, como S. Tomé.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here