Rui Rio aprendeu que um saloio não é um parolo

0
5307

Em Sintra, Rui Rio foi confrontado com uma declaração sua feita em  2010 durante um congresso do PSD, quando disse que “um saloio é um parolo”. Rui Rio não só disse isto em Mafra, coração da chamada região saloia, como o disse a um dos indefetíveis defensores da identidade saloia, o ator Guilherme Leite.

Onze anos depois, foi a hora de Rio comer sopa fria. Guilherme Leite confrontou o dirigente do PSD com aquelas afirmações, num momento em que Rio estava numa arruada de promoção do candidato do PSD em Sintra.

Apesar de haver vários repórteres de jornais, rádios e televisões a acompanhar a comitiva de Rui Rio, nada disto foi reportado por esses jornalistas. Limitaram-se a divulgar as habituais banalidades da política de circunstância.

Guilherme Leite é candidato independente, cabeça-de-lista do Nós Cidadãos em Sintra. Desde que anunciou a sua candidatura que afirma que o faz apenas porque Rio não foi capaz de enfrentar os interesses instalados no PSD local que rejeitaram a candidatura de Marco Almeida, um autarca de longa data em Sintra e considerado por muitos como o candidato mais capacitado para ser eleito e dirigir bem a Câmara Municipal.

Assim, quando Rui Rio precisaria que o PSD vencesse em autarquias importantes, em Sintra não tem hipótese.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui