Galp incontactável

0
816

Os serviços de atendimento ao público da fornecedora de energia GALP não estão a funcionar devidamente. Várias denúncias nesse sentido chegaram ao Duas Linhas, nomeadamente de clientes GALP que pretendem reclamar de viva voz ou mesmo por email.

Sucede que sistematicamente os email enviados para a linha cliente da empresa vêm devolvidos por, alegadamente, a caixa de mensagens da Galp estar cheia. Entupida, querem eles dizer.

Além da ineficiência do serviço, muitos dos clientes ficarão a ver navios por não perceberem inglês, a língua de trabalho do gmail. Assim, todos os que tenham recebido uma mensagem deste género – The recipient’s mailbox is full and can’t accept messages now. Please try resending your message later, or contact the recipient directly – a tradução é “a caixa de recepção de email está cheia e não consegue aceitar mensagens, neste momento. Por favor tente reenviar a sua mensagem mais tarde ou contactar a empresa diretamente.

Acontece que “contactar diretamente” é complicado, estando a empresa com as lojas encerradas e os funcionários em teletrabalho. Mas disso o Gmail não tem culpa.

Contactar telefonicamente seria uma hipótese, mas depois de se ter percorrido a ladainha do “marque 1”,”marque 2”, “marque 3”, “marque 4”, chegamos ao “marque 5” para falar com um funcionário e surge uma gravação a dizer que “por motivos técnicos não é possível satisfazer o seu pedido”. O call center ardeu?

O que a empresa quer, e insiste nisso, é que os clientes aceitem o débito direto como forma de pagamento. Depois, na hora de reclamar, o cliente que se lixe. Não pode ser. A GALP deve uma explicação aos seus clientes.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here