Barrete

0
2077

Depois do Prós&Contras, Fátima Campos Ferreira estreou um novo programa. Em vez de debate controlado, confissões pessoais em relatos de vida. O marketing da RTP dizia “Fátima Campos Ferreira traz-nos conversas construídas a partir da narrativa pessoal do entrevistado, onde se procura a essência do seu pensamento.”

O programa chama-se “Primeira Pessoa” e a primeira pessoa, a pessoa a quem foi dada a honra de estrear o programa foi António Barreto, sociólogo de formação, o ministro que pariu a chamada Lei-Barreto  feita para acabar com a Reforma Agrária, nos idos de 1976, o peão que Mário Soares manipulou na luta contra o PCP e que não se coibiu de mandar a GNR reprimir os “alentejanos voadores” (porque sempre que a GNR disparava para o ar, caía um alentejano que ia a passar…), tradições alentejanas, portanto. António Barreto que em questões de filiação ou simpatias político-partidária derivou do PCP para PS, passou entretanto pela AD e, agora, provavelmente, sentou-se mais à direita ainda.

Foi presidente do Conselho de Administração da Fundação Francisco Manuel dos Santos, e foi protagonista de um anúncio do Pingo Doce. Um tipo habilidoso, merecedor do cartoon de Hélder Dias:

cartoon de Hélder Dias

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here