Covid-19: americanos fazem projeção alarmante

0
2657

A Universidade de Washington, nos Estados Unidos, divulgou uma projeção sobre a evolução da pandemia no Mundo e o que lá vem sobre Portugal é alarmante.

Segundo o Instituto de Métricas e Avaliação em Saúde (IHME) da Universidade de Washington, Portugal poderá vir a ter um pico pandémico de segunda vaga a atingir os 80 mil casos diários e cerca de 80 mortes a cada 24 horas. Um pico que se deverá registar por volta do dia 3 de dezembro, diz o estudo.

Segundo esta projeção, tudo depende das medidas de prevenção adoptadas como, por exemplo, o uso de máscaras, confinamento preventivo (que inclui novamente o fecho de escolas e de serviços não essenciais).

O estudo prevê ainda problemas nos hospitais, onde poderão ser necessárias 1754 camas de cuidados intensivos para doentes com covid-19 e 1600 ventiladores, necessidades acima da linha de capacidade instalada no país neste momento.

Hoje, o governo reune na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto com peritos multidisciplinares e, certamente, abordarão todos os cenários possíveis dentro do quadro da pandemia covid-19. O encontro começa às 15h e o programa inclui apresentações sobre a situação epidemiológica o estudo de caso-controlo (em que um dos objetivos era perceber o efeito dos transportes públicos), a app StayAway Covid e uma futura vacina. Uma segunda parte será dedicada à covid-19 nas crianças e ao desafio do regresso às aulas. Segundo a última análise do Instituto Ricardo Jorge, a epidemia regista uma tendência crescente. Na última semana de agosto, o RT situou-se em 1,14.

A nível global, esta projeção do IHME da Universidade de Washington prevê que a epidemia de covid-19 possa causar um total de 2,8 milhões de mortes até ao fim do ano, estimando  que o uso universal de máscaras reduziria o impacto em 30%, para dois milhões de mortes.

(para os que acham que tudo é fake news, e que a Terra é plana, aqui fica o link para a projeção da Universidade de Washington)

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here