Nani, contra o racismo

0
330

Nani sensibilizou-se com a cerimónia antirracismo antes do início do jogo entre o Orlando City e o Inter Miami, da Liga norte-americana MLS.

“Queremos mudar o mundo. Queremos um mundo melhor, queremos que as pessoas olhem para os outros sem desigualdades. Não há diferença entre ninguém. Não deve haver discriminação, seja no futebol ou na sociedade. Penso que a atuação no início do jogo foi bonita. Foi um momento emocional para os que lá estavam”, considerou Nani.

“Todos deviam parar por um minuto e pensar que todos nós podemos fazer para provocar alterações no mundo. Devemos pensar nos nossos filhos e no futuro deles, porque precisamos ensiná-los a comportar-se de forma correta, a serem pessoas melhores e a ajudar a criar um mundo melhor. E é este o meu pensamento sobre estes tempos difíceis”, acrescentou.

Antes de se iniciar o jogo em Orlando, os jogadores das duas equipas, do Orlando City e do Inter Miami, ajoelharam-se no círculo do meio-campo.

Os protestos contra a discriminação racial já tinham acontecido nas Ligas inglesa ou alemã, mais de um mês após a morte do afro-americano George Floyd, asfixiado por um polícia em plena via pública.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here