Luís Filipe Vieira ainda não depositou caução de 3 milhões €

0
1017

Tal como tínhamos previsto em artigo anterior, Luís Filipe Vieira tentou que o juiz Carlos Alexandre aceitasse ações da SAD do Benfica como caução para poder circular em liberdade. Mas o juiz não aceitou. A razão invocada foi a possibilidade do valor das ações sofrer alterações profundas inesperadamente. Hoje valem xis, amanhã podem não valer nada, terá pensado o juiz Carlos Alexandre e disse não a Luís Filipe Vieira.

É assim que o ex-presidente do Benfica continua em prisão domiciliária. Agora, segundo publica o online Eco, Vieira “pretende pagar a caução de 3 milhões de euros através de imóveis de sociedades detidas em nome dos dois filhos — no valor de 2,8 milhões — e o restante (200 mil euros) em dinheiro. A proposta já foi entregue ao juiz de instrução Carlos Alexandre. Resta agora saber se o juiz de instrução do processo “Cartão Vermelho” vai aceitar.”

Luís Filipe Vieira é suspeito de ter praticado vários crimes, desde abuso de confiança, burla qualificada, falsificação, fraude fiscal a branqueamento de capitais. Com Vieira estão igualmente indiciados o empresário José António Santos, Tiago Vieira (filho de Luís Filipe Vieira) e o agente de futebol Bruno Macedo.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here