O CHOQUE ELÉTRICO

0
981

A Nissan Motor acaba de anunciar que todos os novos modelos para venda na Europa serão totalmente elétricos e que planeia vender apenas veículos elétricos (EVs) até 2030, juntando-se a um número crescente de fabricantes de automóveis que mudam para elétricos até ao final da década.

“Não há como voltar atrás agora”, segundo um comunicado assinado pelo CEO da Nissan, Makoto Uchida.

A marca japonesa diz que um dos dois novos modelos de EV que já confirmou para a Europa será fabricado em sua fábrica de Sunderland, no nordeste da Inglaterra.

Ford e Stellantis também pretendem ser totalmente elétricas na Europa até 2030, assim como a Volvo.

Todas estas marcas têm dominado o setor automóvel na Europa, mas agora enfrentam as fábricas chinesas que produzem mais barato e que estão a chegar à Europa com EV abaixo dos 30 mil euros.

“Há muita concorrência a acontecer… os chineses estão a chegar em massa”, diz o comunicado do CEO da Nissan. “Os chineses avançaram muito, muito mais rápido do que esperávamos.”

Neste comunicado não há qualquer referência às anunciadas ideias de Ursula von der Leyen da Europa adoptar leis protecionistas para as marcas europeias, na maioria dos casos alemãs, francesas e italianas.

notícia publicada em 23 de setembro de 2023

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui