AFINAL O CARRO NÃO É ASSIM TÃO BOM

0
2488

Os compradores de carros elétricos Tesla estão a ser enganados. Quem o diz é a agência noticiosa Reuters. O engano está na autonomia dos veículos. Segundo a Reuters, a autonomia anunciada não corresponde à verdadeira, principalmente se a temperatura do ar for baixa.

Diz a Reuters que as reclamações são tantas que a Tesla criou uma equipa num call center para despistar as reclamações. Despistar mesmo, fazer com que o cliente aceite que as indicações são meras estimativas e que as baterias têm naturalmente um comportamento diferenciado com a temperatura ambiente e com o tempo que passa, embora isso nunca seja referido na publicidade da marca.

A Reuters diz que tentou entrevistar Elon Musk sobre este assunto, mas não obteve qualquer resposta. Segundo esta investigação jornalística, o computador instalado a bordo dos Tesla dá indicações enganosas quanto à autonomia do veículo. Quando a bateria tem mais de 50% de carga, a indicação sobre a autonomia é exagerada, informação que só é corrigida quando a carga da bateria desce abaixo dos 50%.

Elon ‘Tretas’ Musk

Uma fonte anónima disse que “Elon queria mostrar bons números de autonomia quando a bateria estivesse totalmente carregada”, mesmo que isso não correspondesse à verdade. A autonomia é dos fatores mais importantes quando alguém decide escolher um carro elétrico. O medo de ficar sem energia antes de chegar a um carregador – tem sido um dos principais obstáculos para impulsionar as vendas de veículos elétricos.

No início deste ano, a Tesla foi multada pelos reguladores sul-coreanos, que descobriram que os carros apenas alcançavam metade da autonomia anunciada em tempo frio. Mesmo com temperaturas primaveris, os modelos Tesla ficam em média 26% abaixo da autonomia anunciada.

Já nos EUA, a Agência de Proteção Ambiental dos EUA (EPA) exige apenas que a Tesla reduza em 3% as estimativas de autonomia que anuncia.

Nada disto aparece referenciado no site da Tesla Portugal. Nenhuma dúvida, nenhum aviso sobre a precisão das informações disponibilizadas.

Fonte: Reuters

Imagem ilustrativa do artigo da Reuters, com o título: “Tesla criou equipa secreta para suprimir milhares de queixas sobre autonomia dos veículos”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui