Quanto eles nos ensinam!…

1
881

Final de tarde bem passado numa sala esgotada para apreciar o entusiasmo com que meia dúzia de jovens se entregaram a um divertido espectáculo, Madagáscar Uma Aventura Musical, baseado no filme de animação da DreamWorks.

Dia 1, feriado, Musical de Cascais. É sempre reconfortante ver que, de um instante para o outro, desperta, no seio duma colectividade, o gosto para levar à cena um espectáculo. Amadores são, sem pretensões, levados, porém, por aquele desejo de saírem do ramerrão quotidiano, embrenhando-se pelas lides teatrais.

E, tal como os personagens que interpretaram, decidiram «saltar o muro», como o João Sem Medo, e brindar-nos com momentos agradáveis para crianças e adultos. O leão Alex, a zebra Marty, a girafa Melman e Glória, o hipopótamo, quiseram fugir do zoo onde se sentiam prisioneiros; os actores souberam vestir essa liberdade, sempre, no entanto, conscientes de que, afinal, importava saber usá-la bem. Foram acolhidos por bem simpáticos pinguins. E, passados uns tempos, Alex já sonha com o bife habitual, mesmo que lhe aconselhassem dieta; continua a zebra com as suas dúvidas: é preta com riscas brancas ou branca com riscas pretas? Sublinha um deles que – cuidado! – o açúcar pode aumentar o colesterol e vão tentar, por isso, umas comidinhas vegetarianas. Adverte aqueloutro: «Atenção! Isso pode ser um ataque cardíaco!»…

Mas no fundo, para além dessas mensagens salutares, o importante foi mesmo a ideia de que todos, afinal, poderíamos contribuir para melhorar o ambiente, mesmo o da Antártida dos pinguins, cada vez mais ameaçada.

Actuação muito aplaudida no final, com as criancinhas a quererem fotografar-se com os animais apresentados. Aliás, há que salientar – e uma das intérpretes não quis deixar de o referir – o engenho com que, em tempo escasso, foi, por exemplo, confeccionado o original guarda-roupa.

Fizeram questão em estar presentes na estreia Pedro Morais Soares, presidente da União de Freguesias Cascais Estoril (que, juntamente com a Câmara e a empresa Nucase, patrocinou o espectáculo), o presidente da Junta de Freguesia de Alcabideche, José Ribeiro, e Marco Pauzinho (vogal desta mesma Junta).

O elenco da Musical voltará à cena nos próximos dias 3 (às 17.30 h.), 4 (11 h.), 8 e 11 às 18.30 h. Contactos: 214844268 e 939104102.

1 comment

  1. Um texto muito interessante.
    Parece banal a frase, mas aqui não pretende sê-lo. Quando autarcas e munícipes se juntam e conjugam esforços, estes com a criatividade, aqueles com o apoio material pelo reconhecimento desse mérito, torna-se “muito interessante” a divulgação.
    Sempre achei que a imagem, mormente numa peça de teatro musical, é meio ganho para o sucesso (ou perda para o fracasso) por isso José d´Encarnação enaltecer, neste seu texto, a qualidade do guarda roupa, vem ao encontro desse pensamento antigo de que na caracterização está uma parte considerável do êxito.
    Se houver ainda a preocupação de fazer passar mensagens (sobre alimentação saudável, por exemplo, ou respeito pelo equilíbrio ambiental) a identificação com o “herói bem caracterizado, será bem mais conseguida.
    Muito grata pela partilha destas impressões de “viagem” pelo mundo encantado dos mais novos.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here