FRUTA ENVENENADA

Na lenda da Branca de Neve e os 7 Anões, temos a cena da bruxa má que dá uma maçã envenenada à princesa. Hoje, todos nós temos direito à nossa maçã envenada.

0
776

“A contaminação por pesticidas está mais alta que nunca”, a frase vem escrita na introdução do relatório da ONG Pesticides Action Network Europe, divulgado hoje.

Sustentado em dados oficiais dos países investigados, os relatores escrevem ainda que “as frutas de outono estão muito contaminadas por vários pesticidas”. O relatório aborda particularmente o estado das maçãs e peras, duas das frutas de maior consumo na Europa nesta época do ano.

Em ambos os casos, os dados divulgados indicam níveis de envenenamento das frutas compatíveis com o surgimento de doenças cancerígenas ou cardíacas.

A situação mais complicada para Portugal é a das peras. Ao todo, 68% das peras portuguesas analisadas apresentavam valores elevados de pesticidas perigosos, a percentagem mais alta da Europa. No caso das maçãs, com 50% das peças de fruta a registar níveis proibitivos de pesticidas.

O relatório intitula-se “Paraíso Pesticida” e denuncia as políticas dos vários governos europeus que protegem os interesses da indústria de pesticidas e da agricultura intensiva.

Foram analisadas 44.137 amostras de frutas frescas entre 2011 e 2020, nos países produtores da União Europeia. Uma das conclusões do estudo é que o uso de pesticidas aumentou, a contaminação de maçãs, peras e ameixas quase duplicou desde 2011.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here