Segredo é trocar cigarro por palhinha

O cancro do pulmão vitimou 4797 portugueses no último ano. O cigarrinho ao almoço ou para descontrair matou em 2020 quase tantos como o covid-19, que vitimou 6993 portugueses.

0
196

Os números de fumadores mortos foram divulgados pelo Grupo de Estudos do Pulmão que apela ao fim do tabagismo. Ainda não se sabe quais são os custos no sistema nacional de saúde do tratamento de doente com cancro de pulmão. Mas será elevado. Os homens são os maiores fumadores, mas as mulheres têm vindo a crescer no vício.

A publicidade ao tabaco é muito restringida. As máquinas de venda são cofres. E já não se pode fumar na quase totalidade dos locais públicos. Mas o vício continua. Os sucessivos governos têm aumentado os impostos em flecha, mas ainda não parece suficiente.

O cancro de pulmão é o cancro mais frequente no mundo. “A sua incidência aumenta a um ritmo de 0.5% por ano, o que significa que é preciso reforçar a sensibilização para travar esta projeção”, esclarece a Dr.ª Teresa Almodôvar, presidente do GECP

Um dos maiores problemas do cancro do pulmão é a ausência de sintomas. Quando é diagnosticado já é tarde. Ainda me lembro de quando fumar era chique ou uma evidência de emancipação.

Mas isso acabou e até Lucy Luke adoptou por ser redesenhado, para substituir o cigarro ao canto da boca por uma palhinha. Esse novo hábito do personagem poderia ser o segredo para os portugueses acabarem com o cigarrinho.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here