Tony Laureano, na maior onda do Mundo

Uma onda com mais de 30 metros tem a altura de um prédio com 15 andares. É muito alto. Respeito pelos que desafiam a sorte neste desporto. Vídeo no final do artigo.

0
970

Por maior que seja a onda, é apenas água, dizem os surfistas de ondas gigantes. Não deixam de ter razão, mas quando é muita água a coisa pode dar para o torto. A frase serve apenas para diminuir o nervoso miudinho quando eles se lançam á água da praia do Norte, na Nazaré, nos dias em que o canhão dispara.

Foi o que aconteceu ao jovem António Laureano (aka Tony Laureano) que, aos 18 anos, já é um experimentadíssimo surfista de ondas gigantes e que acaba de ver homologada a proeza de ter surfado a maior onda gigante de sempre (desde que há medições destas coisas). Foi no passado dia 29 de outubro que Tony Laureano tentou a sorte, em tow in (puxado por mota de água), a uma onda que atingiu 30,9 metros de altura. Record do Mundo para a onda e para quem a surfou.

Tony vive com os pais na Ericeira. A mãe é da Charneca, Cascais. O pai veio do Brasil. Uma família dedicada ao surf, trabalham todos na empresa familiar que constituíram e que se dedica à formação de surfistas e de salvamento com motas de água, função imprescindível na modalidade de surf em ondas gigantes.

Quem acompanha Tony na água é sempre o pai, na mota de água e a mãe na falésia a dar indicações sobre o que acontece no meio do turbilhão das ondas.

Aliás, o pai – Ramon Laureano- é já um herói de salvamentos na Nazaré. Em 2019 salvou a vida a um outro surfista e foi, por isso, notícia no Mundo inteiro. As imagens do salvamento correram mundo.

Tudo isto é, certamente, um estranho modo de vida aos olhos de muita gente. Mas para quem gosta de surf, é apenas água, mesmo se a onda mediu 30,9 metros como a que o filho de Ramon surfou em 29 de outubro de 2020 e que ficou registado em vídeo.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here