Futebol não é para dar pontapés em jornalistas

0
604

“Estás a filmar para quê? Hem? (grunhidos indecifráveis)… “Que te fodo, caralho! Tás a perceber?”

Este foi o monólogo de um agressor a um repórter de imagem da TVI, depois do jogo com o Moreirense. O Futebol Clube do Porto empatou, os portistas estavam naturalmente chateados, um deles decidiu logo ali expurgar a raiva em vez de ir para casa bater na mulher ou nos filhos.

A agressão aconteceu no exterior do estádio em Moreira de Cónegos, vários repórteres de imagem gravavam a saída do presidente do F.C.Porto, Pinto da Costa aproximou-se de um deles, disse alguma coisa e, nesse momento, o repórter da TVI foi agredido por um dos acompanhantes de Pinto da Costa (que não é nenhum dos que estão com ele nas imagens da aproximação aos repórteres de imagem). Uma coisa sem explicação.

O agressor está identificado, a TVI garante que vai acionar meios legais para que a agressão não passe em branco, este tipo de coisas não devia acontecer em lado nenhum, muito menos à volta de um espetáculo futebolístico, ou lá como queiram chamar a um jogo de futebol. Por enquanto ainda é jogo, embora às vezes pareça combate.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here