Escola Segura: PSP deteve 186 na primeira semana

0
597

As escolas sempre atraíram marginais, às vezes criminosos muito perigosos. Nas escolas há crianças, alvos fáceis para tráficos, aliciamentos, abusos de toda a espécie. Por isso, o Estado manda vigiar as escolas de modo especial. Nesse âmbito, a PSP tem o programa “Escola Segura” que, basicamente, é a execução de um policiamento de proximidade e de visibilidade que, por si só, desencoraje a prática de crimes na escola, nas redondezas da escola, de modo a preservar crianças e adolescentes dessas práticas nefastas.

A PSP acaba de anunciar que, em apenas uma semana, no início do ano letivo, mais de 180 pessoas foram detidas em mais de 1.000 operações policias realizadas entre 14 e 20 de setembro no âmbito da operação “Escola Segura – Início do Ano Letivo 2020/2021”.

Em comunicado, a PSP precisa que participaram na iniciativa, que decorreu em Portugal continental e Regiões Autónomas, 3.468 polícias, que realizaram 1.070 operações de que resultaram 186 detenções.

A tipologia dos crimes detetados não foi divulgada, mas o número de detidos é significativo. Bastaria um para justificar a presença da polícia nas escolas, mas 186 detenções é um dado com peso social e político.

Foram também realizadas 364 ações de sensibilização grupais em 270 escolas, às quais assistiram 11.989 alunos e 1.354 professores e assistentes operacionais e foram ainda feitos 1.552 contactos individuais de prevenção criminal nas escolas, acrescenta o comunicado da PSP.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here