Covid-19: tendência para agravamento da pandemia

0
318
leitura computadorizada do texto

Oito mortes e 825 novos casos de infeção covid-19 são números que confirmam a tendência de agravamento da pandemia, isto apesar de haver oscilações no gráfico da subida. Uns dias desce um pouco, depois volta a subir mais, para voltar a descer e, no dia seguinte, subir de novo. Mas a tendência que se observa é de agravamento, sem sombra de dúvidas.

No boletim diário, a Direção Geral de Saúde indica que das oito mortes registadas, seis ocorreram na região de Lisboa e Vale do Tejo, onde também se verifica o maior número de infeções, e duas na região Centro.

Relativamente aos internamentos hospitalares, o boletim revela que estão internadas 666 pessoas (mais cinco em relação a terça-feira). Em cuidados intensivos estão 105 pessoas (mais seis). Todos os indicadores são de agravamento da situação, portanto.

Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificados mais 398 novos casos de infeção, número equivalente a 48,2% do total nacional.

A região Norte regista hoje mais 294 novos casos de covid-19 (35,6%).

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here