Feira do Livro, ainda a tempo

0
169

A Feira do Livro de Lisboa encerra hoje. Ainda tem tempo de ir até ao Parque Eduardo VII e comprar um livro para si ou para oferecer a alguém de quem goste muito. Oferecer um livro pode ser um ato de amor. Um livro é uma viagem, no tempo, a outro Mundo, ao interior da alma, ler um livro é uma hipótese de encantamento. Um livro pode ser uma grande prenda.

Enfim,  a Feira do Livro deste ano foi reflexo dos tempos que vivemos, lotação controlada, distanciamento físico entre as pessoas e os autores, mas foi uma “tentativa de resistência à crise”, como disseram os organizadores no dia de  abertura.

A Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL), que organiza a Feira do Livro de Lisboa, considerou o ano de 2020 catastrófico para o setor, por causa da pandemia de covid-19, com a estimativa de perdas entre os 30 milhões e os 35 milhões de euros.

A 90.ª edição da Feira de Lisboa, que regressou ao parque Eduardo VII no passado dia 27 de agosto, meses depois do calendário inicialmente previsto (maio/junho), devido à pandemia de covid-19, reuniu 117 participantes em 310 pavilhões, representando 638 editoras, livrarias e chancelas.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here