Futebol com público, sim ou não?

0
847

Quem aparece todos os dias na pantalha, passa à condição de “pessoa famosa” e começa a receber convites para estar em todo o lado. É o caso da diretora-geral de Saúde, Graça Freitas, que foi vista ontem a participar na cerimónia do sorteio das competições da Liga Portuguesa de Futebol Profissional.

A bolinha que Graça Freitas tirou do saco preto foi uma espécie de cubo de gelo para as expectativas da Liga e dos clubes de futebol: não está garantido que os jogos tenham público nos estádios.

“O primeiro parâmetro é que a doença não esteja a circular de forma muito intensa. A intensidade da pandemia é que vai determinar a nossa capacidade de nos juntar. Todos desejamos que na próxima época o vírus tenha uma circulação controlada. Se isso vai acontecer? Não sei”, disse Graça Freitas. E quem fala a verdade não merece castigo.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here