Tiago Mayan Gonçalves, outro candidato da direita à Presidência

0
1008

Chegou primeiro às redes sociais que aos media tradicionais, o anúncio do candidato do Partido Iniciativa Liberal à Presidência da República vem terminar com as esperanças do deputado Ventura na bipolarização de uma campanha apenas entre ele e Marcelo Rebelo de Sousa.

O Partido Iniciativa Liberal tem se distinguido na ação política pela irreverência e humor com que aborda o combate político, sem nunca chegar ao insulto rasca do partido da extrema-direita. E tem crescido, acaba de inaugurar o núcleo de Sintra, por exemplo.

Tiago Mayan Gonçalves é um ilustre desconhecido mas vai ter tempo para dizer ao que vem, se cedo der início à sua campanha eleitoral. Aliás, o concorrente Ventura já anda no terreno. Marcelo não precisa de se dar ao trabalho.

As primeiras palavras de Tiago Mayan Gonçalves são as esperadas: contra as teias de interesse e clientelismo, contra os populismos da esquerda e da direita, igualdade perante a lei, reconhecer cada cidadão na sua individualidade, dar confiança, empatia e ética.

Em relação a Marcelo, Tiago diferencia-se pela idade (tem 43 anos) e assemelha-se a Ventura já que ambos são advogados. Em relação a Ventura, o candidato da Iniciativa Liberal tem a vantagem de não pertencer a um partido conotado com movimentos fascistas e anti-democráticos.

Temos, portanto, três candidatos, embora Marcelo só confirme a sua disponibilidade em dezembro. À partida, o atual Presidente conta com os apoios do PS e do PSD, há dúvidas quanto ao Bloco, PCP e PAN, mas qualquer candidato lançado por algum destes partidos nunca irá ser suficiente para retirar a vitória a Marcelo.

Mas, curiosamente, é na direita que Marcelo tem menos popularidade e o surgimento de Tiago Mayan Gonçalves vem complicar as contas do deputado Ventura, principalmente na visibilidade que pretendia ter nos media na pré-campanha e campanha eleitoral como único candidato da direita. Assim, quanto muito, poderá gabar-se de ser o único candidato da extrema-direita.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here