Covid-19: cinco mortes e um balde de água fria

0
1480

Portugal regista hoje mais cinco mortes (quatro em Lisboa e Vale do Tejo) e 252 novos casos (215 em Lisboa e Vale do Tejo) de infeção por covid-19 em relação a terça-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com o boletim, desde o início da pandemia até hoje registam-se 49.150 casos de infeção confirmados e 1.702 mortes.

Em todo o território nacional, há 439 doentes internados, o mesmo número do que na terça-feira, e 59 em unidades de cuidados intensivos, menos três do que ontem.

Vacina não é para já

A Organização Mundial de Saúde avisou hoje que não haverá vacinas para a covid-19 antes da segunda metade de 2021, apesar de “sinais de esperança” nos testes clínicos a decorrer. Quando notícias recentes apontavam para a possibilidade de haver uma vacina aprovada até ao final deste ano, a OMS vem deitar um balde de água fria como essa pressa.

Apesar de haver já três projetos de vacina na fase de testes em humanos, a OMS prefere dizer que se trata de potenciais vacinas que ainda não fracassaram, mas que ainda falta um longo caminho até algum desses medicamentos estar disponível pata toda a gente no mercado.

Fundamental é garantir que as vacinas sejam seguras e eficazes e isso levará tempo, diz a OMS.

Neste momento, há três projetos na fase 3 de testagem, um russo, outro inglês e um chinês.

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here